sexta-feira, 4 de março de 2011

Livro:"Black Rose" de Katherine

É o que voce leu,eu estou fazendo isso do livrinho da nossa querida blogueira Katherine.Gente,a gente pode espalhar o quanto quiser mas ficamos super felizes quando alguem fala do nosso livro por LIVRE E ESPONTANEA VONTADE.E é o que eu estou fazendo,então,quem quiser ir no blog do livro clique aqui(nada a ver né,mas eu supero).
A nossa diva Katherine fez um trailer incrivel,fiquei até com inveja e to pensando em fazer um meu...Mas isso já é outra historia.Vamos conferir o trailer e depois vamos ler o primeiro capitulo dessa historia perfeita:
Amamos né?Vamos conferir o primeiro capitulo então:
"

 Eu estava sentada em minha cama olhando o colar que o estranho me deu. Eu me lembro dele vagamente, pois quando eu o vi eu tinha apenas 10 anos e já se passou sete. Eu nunca conheci a minha mãe, meu pai disse que ela morreu depois de dar a luz a mim. Uns meses depois ele se casou com outra mulher. Ela não é do tipo ‘’madrasta má’’ ela é até muito legal mais ela é muito bisbilhoteira, adora mexer nas coisas dos outros ou na vida dos outros principalmente na minha, mas fora isso ela é legal.
-Melany desce logo senão você vai se atrasar- ela gritou
-já estou indo- guardei meu colar no compartimento secreto da minha escrivaninha porque se minha madrasta ver ela vai querer pegar. Terminei de me arrumar, peguei minha mochila e desci as escadas correndo.
-Melany você vai acabar quebrando alguma coisa- ela falou calma
-Onde esta a Sarah?- eu perguntei, pois normalmente eu a levo pra escola.
- Ela tinha uma espécie de passeio hoje e a escola pediu para ela ir cedo e como eu tinha um tempinho livre eu levei- ela falou sorrindo
-Ok. Já vou indo- eu me despedi e sai de casa.
Passei pelo parque, ela não nada desda ultima vez que eu vim. As arvores estão no mesmo lugar e o pessegueiro esta bem florido. O caminho pelo parque foi mais rápido do que o caminho que eu ando normalmente, eu acho que eu vou usar esse caminho todos os dias. Depois de uns 8 minutos eu havia chegado á escola.
-Oi Mel- minha amiga Camila veio ate mim e me abraçou
-Oi Cáh- eu retribui o abraço. A Camila é uma líder de torcida. Possui cabelos pretos encaracolados e olhos cor de mel, apesar de ser uma líder de torcida ela é bem legal.
-Como esta indo na sua casa?- ela sabe como minha madrasta é.
-Tudo normal. Eu não costumo fechar a porta do meu quarto mais tem que ser assim agora, eu preciso de privacidade um pouco
-E o que ela fala quando você fecha a porta?
-ela diz: É Melany anda escondendo alguma coisa em?- eu imitei a voz dela e nós duas começamos a rir
-E ai Mel. Como estão indo as coisas entre você e o Matt?- ela estava querendo perguntar isso faz um tempo
-Não tem mais nada. Nós terminamos- Camila fez cara de espanto
-É sério?- ela perguntou
  -Claro que é
-Você deixou aquele gato escapar?
-Nós não tínhamos nada em comum
-Agora o caminho esta livre- ela sorriu- se você não se importar é claro
-Claro que não Cáh, agora nós somos apenas amigos
-Será que ele pensa o mesmo?- Camila perguntou
-Eu não sei, mas eu não ligo. Vamos logo pra sala senão o professor não vai parar de reclamar
-é mesmo- nós duas rimos.
As primeiras aulas passaram rápidas e logo foi a hora do intervalo. Eu, Camila e a nossa amiga Charlotte nos sentamos na nossa mesa de costume.
-E ai Char- Camila a chama assim. Charlotte é ruiva, tem olhos verdes e é a chefe da equipe do jornal da escola- Como estão indo os preparativos para a festa?
-Todo ótimo. Mel, depois você pode me fazer o favor e fazer uma lista de musicas lentas?
-Claro Charlotte- nós três ficamos falando dos preparativos da festa e os prováveis casais e eu deixei a Camila falar para a Charlotte sobre o fim do meu namoro e como eu já esperava ela fez a mesma reação da Camila
-Oi meninas- Matt apareceu com aquele casaco do time de futebol. Matt tinha cabelos loiros e seus olhos azuis claros.
-Oi Matt- Camila começou a fazer charme- Tudo bem?
-Mais ou menos- quando ele falou as meninas olharam pra mim
-Já tem companhia para o baile?- Camila perguntou com segundas intenções.
-Ainda não- ele olhou para mim e eu desviei o olhar. O sinal tocou e nós fomos para as nossas salas. As últimas aulas foram lentas e chatas. No final do dia eu me despedi das meninas e fui embora pelo caminho do parque e um nevoeiro apareceu do nada e deixou o parque todo branco, mas havia alguém dentro daquele branco todo, mais eu não conseguia ver quem era ou o que era e então resolvi ir em frente, pois eu conhecia o caminho. Cheguei em casa e a minha madrasta não parava de reclamar do meu atraso e eu a ignorei e fui para meu quarto e fiquei deitada na minha ouvindo musica quando eu percebi que meu pai já havia chegado.
-Oi querido. Como foi o trabalho hoje?- ela deu um beijo na bochecha dele.
-Cansativo- ele tirou o paletó e colocou em cima da cadeira- e como vai minha pequena?
-Bem- eu disse meio desanimada
-Você não parece bem querida
-Eu só estou meio cansada de tanto dever de casa. Eu acho que eu vou subir
-Não vai jantar querida?- ela perguntou com aquele sorriso na cara
-Não estou com fome- subi as escadas, me tranquei dentro do quarto e peguei meu misterioso colar e fiquei olhando para ele e não sei porque mais eu sinto que o verei em breve."
Todo mundo amou como eu e outras pessoas amaram?Então,é só ir no blog do livro para conferir os outros capitulos e se apaixonar nessa historia alucinante.
XoXo,
Vicky

2 comentários:

  1. Owwnt. Obrigado por postar o meu livro aqui Vicky *-*
    Que bom que gostou do BookTrailer. Foi um desafio para mim tentar fazê-lo sem o Movie Maker(é, eu não fiz no Movie Maker porque ele esta com problemas)
    Fico muito feliz com seus elogios que estou até me sentindo aqui kkk

    Bjuss amiga

    Katherine

    ResponderExcluir
  2. PARABÉNS VC me fez gostar de le isso e muito importante nos dias de hoje , que as pessoas pouco ligan para livro , valeu ,obrigado !rafaelelindinha-pitty@hotmail.com

    ResponderExcluir